Continua a caça às máscaras e géis higienizantes para proteger-nos contra a infecção pelo coronavírus. E assim, nas prateleiras das farmácias, supermercados, lojas domésticas, géis para lavar as mãos são inacessíveis ou, quando estão disponíveis, não têm preço. É por isso que a Oms lançou uma receita para um higienizador de mãos eficaz em casa.


Recita para fazer Gel de lavagem manual caseiro

O gel que poderia ser usado não é mais que um desinfetante à base de álcool etílico, hipoclorito de sódio diluído em água em percentagens específicas de acordo com os diferentes usos que se fazem dele. A partir destes ingredientes, pode fazer um higienizador de mãos.

Aqui está a receita para gel desinfectante caseiro:

  • 833 ml de álcool etílico a 96%.
  • 42 ml de 3% de peróxido de hidrogênio
  • 15 ml de glicerol (glicerol, disponível nas farmácias por alguns euros) a 98%.
  • água destilada ou água fervida e refrigerada até 1 litro
  • Guardar numa garrafa de plástico ou vidro, para ser bem tampado.

Desinfecte as suas mãos

Para ser realmente eficaz, o álcool etílico não deve ser usado puro, mas diluído em água numa percentagem não inferior a 75% e em mãos limpas, livre de incrustações de qualquer tipo ou camadas de gordura, e seco. Na receita do gel desinfetante caseiro também há glicerina, pois serve para aumentar a densidade do produto evitando que ele escorregue das mãos. Finalmente, o peróxido de hidrogénio é utilizado para eliminar quaisquer esporos bacterianos não mortos pelo álcool.

As autoridades de saúde indicam que, para uma correta higiene das mãos, é essencial lavá-las com frequência, pelo menos 40-60 segundos, ou passar o higienizador nas mãos menos 30-40 segundos. Também desaconselhamos o uso excessivo destes desinfectantes à base de álcool etílico que, com o tempo, secam a pele e podem promover resistência às bactérias. Melhor lavar as mãos frequentemente.

Superfícies desinfectadas

Estes produtos higienizantes são recomendados e são eficazes tanto para as mãos como para as superfícies domésticas, desde o chão até às prateleiras, passando por todos os tampos de trabalho. Para desinfectar estas superfícies é necessária uma solução à base de hipoclorito de sódio 1%: ou seja, 99% de água e 1% de lixívia trivial, uma vez que o hipoclorito de sódio é normalmente chamado pelo seu poder branqueador, bem como fungicida, esporacida e virucida.

Para uma higienização eficaz, o produto deve ser deixado a agir durante 5 a 15 minutos. Esta solução não é absolutamente adequada para as mãos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *